sábado, 21 de abril de 2018

ATLÉTICO DE BISSORÃ NA PRIMEIRA DIVISÃO DO CAMPEONATO NACIONAL DE FUTEBOL 
Que bom!
Festa de futebol ao rubro na vila de Bissorã, Norte do país.
Após quatro épocas na Segunda Divisão, o Atlético Clube de
Bissorã regressou esta tarde no escalão maior do futebol guineense.
Os rapazes de Bissorã receberam e venceram os seus colegas do Desportivo de Quilélé, por três bolas a duas, em jogo da 14ª jornada do campeonato nacional da serie-A da segunda linha.
De acordo com o colaborador de Notabanca que assistiu a partida, o golo da subida dos donos da casa começou a ser construído por intermédio de Malam na etapa primeira.
O colaborador elegeu Malam com figura do jogo por ter bisado, e que também que fez o gosto ao pé foi Leo.
De sublinhar que foi uma vitória sofrida, mas a festa vai continuam pela noite dentro, na vila de Bissorã.
Parabéns Atlético de Bissorã.
Notabanca; 21.04.2018 
BISSAU TEM MAIOR PREVALÊNCIA DE TRÁFICO E CONSUMO DE DROGAS EM RELAÇÃO AS REGIÕES 
O gráfico de tráfico e de consumo de drogas sobe consideravelmente na Guiné-Bissau.
A missão de seguimento da CEDEAO de combate a droga termina hoje, os contactos com as autoridades administrativas de Bissau.
A missão se encontra desde. 4ª Feira em Bissau para identificar a implementação do plano de acção da comunidade contra o toxicodependente.
A delegação reuniu-se ontem, com o Procurador-Geral da República.
A saída, a chefe da missão, Ludimila Barrai Micalec reconheceu os esforços a serem levados a cabo pelas autoridades nacionais no combate a droga. Mas escusou-se avançar dados sobre a matéria.
De sublinhar que, a missão vai produzir um relatório a ser submetido as autoridades administrativas de Bissau.
Notabanca soube de fontes ligadas as organizações que combatem o flagelo que, em Bissau regista-se maior prevalência de consumo e tráfico de drogas em relação as regiões.
Notabanca; 21.04.2018
JUÍZES CONSELHEIROS AMEAÇAM IMPUGNAR PROCEDIMENTOS ILEGAIS DO PRESIDENTE DO STJ 
Corpo directivo da Comissão Nacional das Eleições (CNE) vai tomar posse dia 30 de Abril.
A cerimónia foi agendada pela Assembleia Nacional Popular e vai ser presidida por Cipriano Cassamá, presidente da ANP. 
Informação foi avançada à Notabanca por uma fonte ligada ao Gabinete da Assessoria de imprensa do Parlamento guineense.
Isto acontece numa altura em que, oito juízes conselheiros contestam o procedimento seguido para envio do nome de José Pedro Sambu ao parlamento para se candidatar.
Os juízes conselheiros acusam o presidente do Supremo Tribunal de Justiça, Paulo Sanhá de ter violado os procedimentos legais da instituição.
Entretanto, uma fonte bem colocada, indica que os juízes ameaçam impugnar, 2ª feira dia 23, os procedimentos ilegais do presidente do Supremo Tribunal de Justiça.
Recordamos que, José 
Pedro Sambú, antigo Secretário Executivo da CNE, jurista com categoria de juízes conselheiros no Supremo Tribunal de Justiça foi eleito presidente da CNE com 96% de votos dos deputados. Mpabi Kabi foi eleito para desempenhar as funções do Secretário Executivo da CNE.Notabanca; 21.04.2018

sexta-feira, 20 de abril de 2018

LIGA PEDE AO PRESIDENTE GUINEENSE PARA VETAR PRORROGAÇÃO DA NONA LEGISLATURA
A Liga Guineense dos Direitos Humanos tomou conhecimento, com enorme estupefação, do vergonhoso processo de revisão pontual da Constituição da República desencadeado pelos deputados da Assembleia Nacional Popular no dia 19 de Abril de 2018, visando a prorrogação da presente legislatura até à realização das eleições legislativas, previstas para o dia 18 de Novembro  do ano em curso.
DSP DO PAIGC APLAUDE PST PELA ADERÊNCIA AOS LIBERTADORES 
PAIGC cada vez mais coeso e eficiente para os próximos embates eleitorais.
O líder do PAIGC, Domingos Simões Pereira elogiou a iniciativa dos dirigentes e militantes do extinto Partido de Solidariedade e Trabalho.
Um número indeterminado dos antigos militantes do PST recebeu os novos cartões de militância dos libertadores.
Na ocasião, Domingos Simões Pereira disse que o gesto demonstra de uma forma inequívoca a grandeza do PAIGC no cenário político guineense e no undo.
Iancuba Djola Indjai reafirmou, perante os dirigentes e militantes que regressaram a casa como simples militantes para ajudar alavancar o desenvolvimento do país.
De referir que, os militantes do extinto Partido da Solidariedade e Trabalho reintegram nas fileiras do PAIGC, após dezasseis anos de luta contra ventos e marés no xadrez políticos no país.
Notabanca; 20.04.2018
PRESIDENTE GUINEENSE FELICITA NOVO CHEFE DE ESTADO DE CUBA
O chefe de Estado da Guiné-Bissau, José Mário Vaz, felicitou hoje Miguel Diaz-Canel, eleito na quinta-feira para suceder na Presidência de Cuba Raúl Castro.
«Por ocasião da sua eleição magistratura suprema da República Socialista de Cuba, endereço-lhe, em nome do povo guineense e em meu nome pessoal as minhas calorosas felicitações e votos de sucesso na mais alta função que acaba de ser investido», refere uma mensagem da Presidência guineense, divulgada à imprensa.

Na mensagem, José Mário Vaz destaca a ´histórica relação de fraternidade, solidariedade e de cooperação´ existente entre os dois países, esperando que se desenvolvam e consolidem ´cada vez mais´.
O número dois do regime cubano, Miguel Diaz-Canel, foi eleito pela Assembleia Nacional na quinta-feira para suceder ao atual Presidente Raúl Castro, pondo fim a cerca de seis décadas de poder dos irmãos Castro em Cuba.
Miguel Diaz-Canel foi eleito por um período renovável de cinco anos, com 603 votos dos 604 possíveis dos parlamentares cubanos.

Notabanca; 20.04.2018
"MAGISTRADOS E POLICIAIS GUINEENSES CORRUPTOS E INÚTEIS" 
A falta de independência judicial, a corrupção, a ausência de investigação em crimes contra mulheres e crianças e o tráfico pessoas são os principais problemas relacionados com Direitos Humanos na Guiné-Bissau, segundo os Estados Unidos. 
No relatório sobre a situação dos Direitos Humanos em 2017 divulgado hoje pelo Departamento de Estado norte-americano é referido que a polícia é ´geralmente ineficaz, mal paga e corrupta´. 
«Não receberam treino e não têm recursos suficientes para comprar combustível para os veículos da polícia. A polícia de trânsito costuma exigir subornos aos motoristas», pode ler-se no relatório.
O Departamento de Estado considera que a Procuradoria-Geral da República é responsável pela investigação aos abusos policiais, mas os funcionários do Ministério Público também são ´mal pagos e suscetíveis a ameaças, corrupção e coação´.
O relatório sublinha que a Constituição prevê um poder judiciário independente, mas ´está sujeito a manipulação política´.
«Os juízes estão mal formados, inadequados e irregularmente pagos e sujeitos a corrupção», refere o documento, sublinhando que faltam recursos e infraestruturas e que as condenações são ´extremamente raras´, apesar das autoridades respeitarem as ordens judiciais.
 

Notabanca; 20.04.2018
PROCESSO “BARBATANA” DO MINISTÉRIO DAS PESCAS A CAMINHO DE JULGAMENTO 
A Procuradoria-Geral da República guineense informa que o processo-crime ligado aos indícios de desvios de fundos públicos no setor das pescas, denominado de  “Operação Barbatana“, foi acusado e remetido ao julgamento, tendo como suspeitos, nomeadamente o ex-Secretário de Estado das Pescas e Economia Marítima, Ildefonso de Barros e antigo Diretor Operativo da FISCAP, Pedro Gomes.
QUATRO DIAS DE CAMPANHA DE VACINAÇÃO DECORRE NA GUINÉ-BISSAU 
Mais de trezentas e dezoito mil crianças de zero a cinco anos vão ser vacinadas contra da poliomielite e suplementação da vitamina A e mebendazol.
A campanha da vacinação sincronizada iniciou hoje, em todo o território nacional com a duração de quatro dias.
No acto de abertura que teve lugar na Praça de Bandim, Secretário-geral do Ministério de Saúde, Guilherme Silá, pediu a colaboração dos pais e encarregados de educação para se vacinarem os seus educandos.
Em representação da OMS, Jean Marie Kipela disse que o empenho das autoridades sanitárias do país tem por objectivo na redução da mortalidade infantojuvenil.
De referir a campanha de vacinação sincronizada irá terminar na próxima 2ª feira, dia 23 deste mês.
Notabanca; 20.04.2018
GUINÉ-BISSAU É UM PAÌS PARALISADO APESAR DE RENASCER ESPERANÇA-América
O embaixador dos Estados Unidos para a Guiné-Bissau, Tulinabo Mushingi, afirmou estar preocupado com a situação de estrangulamento no país devido à situação política, mas manifestou esperança, tendo em conta os últimos desenvolvimentos.
“O país encontra-se numa situação de estrangulamento quase numa paralisação causada pelo impasse político e está situação está a afetar negativamente o desenvolvimento e o seu povo”, disse, em conferência de imprensa, o embaixador norte-americano.
Tulinabo Mushingi realizou esta semana uma visita a Bissau, tendo mantido encontros com o novo primeiro-ministro guineense, Aristides Gomes, com o chefe de Estado, José Mário Vaz, e algumas formações politicas bem como com representantes da comunidade internacional, figuras religiosas e sociedade civil.
“Também vi esperança. O novo primeiro-ministro parece ter o apoio necessário para formar Governo. O Presidente anunciou a data para as eleições e para muitos o cenário é otimista”, afirmou.
Segundo embaixador, a diferença é “considerável” em relação à última visita que realizou ao país, no início do ano.
Os Estados Unidos desenvolvem na Guiné-Bissau vários programas de apoio no setor da saúde, assistência a refugiados, educação, agricultura e defesa.
A Guiné-Bissau vive uma crise política desde a demissão, por José Mário Vaz, em agosto de 2015 do Governo liderado pelo antigo primeiro-ministro Domingos Simões Pereira, do PAIGC, vencedor das legislativas de 2014.
Desde as eleições legislativas de 2014, a Guiné-Bissau já vai no sétimo primeiro-ministro, que terá como principal objetivo organizar as eleições legislativas, marcadas para 18 de novembro.
O diplomata, com residência em Dakar realçou a importância de realização das eleições legislativas, de acordo com o calendário eleitoral e estar optimista com atual situação política.
De sublinhar que, o diplomata norte-americano regressou hoje, para Dakar/Senegal, após ter cumprido quatro dias de visita de contacto com as autoridades de Bissau.
Notabanca; 20.04.2018

quinta-feira, 19 de abril de 2018

PRIMEIRO-MINISTRO PROÍBE UTILIZAÇÃO DE DINHEIRO DE ESTADO
Notabanca; 19.08.2018
PST EXTINGUIDO E JUNTAR-SE AO PAIGC 
Militantes do Partido da Solidariedade e Trabalho (PST) aprovaram hoje, dia 19, a moção de extinção do partido para incorporar-se definitivamente no PAIGC.
Na abertura dos trabalhos da convenção nacional, Iancuba Djola Indjai, líder da formação política disse que a integração está enquadrada na ideologia PST e no pensamento de Amílcar Cabral.
O político afirmou que vão mesmo ingressar-se ao PAIGC na condição de simples militantes.
Djola Indjai disse ainda que, a atual direção do PAIGC liderada por DSP é democrática enveredada no resgate da ideologia de Cabral. Lembramos que o PST foi criado no dia 7 de Outubro de 2001 aqui em Bissau, legalizado a 15 de Julho de 2002, pelo despacho de inscrição número 31 do Supremo Tribunal de Justiça.
Adeus PST!
Notabanca; 19.08.2018
JOSÉ PEDRO SAMBÚ ELEITO NOVO PRESIDENTE DA CNE DA GUINÉ-BISSAU 
José Pedro Sambú, antigo Secretário executivo da CNE, jurista com categoria de juízes conselheiros no Supremo Tribunal de Justiça é novo presidente da Comissão Nacional de Eleições.
Num universo de noventa e três deputados, noventae um elegeram o antigo Secretário Executivo da CNE para exercer as novas funções.
Enquanto, Mpabi Kabi foi eleito para desempenhar as funções do Secretário Executivo da Comissão nacional de Eleições.
Na sessão de abertura dos trabalhos, Cipriano Cassamá, presidente da ANP pediu os parlamentares a colocarem os interesses do país, em cima dos interesses pessoas.
O líder da ANP apelou aos elementos do grupo dos “Quinze” a voltarem para as fileiras do PAIGC.

Notabanca; 19.04.2018
PARLAMENTO GUINEENSE ACEITA PRORROGAÇÃO DA LEGISLATURA QUE TERMINA ESTE MÊS 
O parlamento da Guiné-Bissau prorrogou hoje a atual legislatura que termina no próximo dia 23, por mais seis meses, até a realização de eleições legislativas previstas para 18 de novembro.
O presidente da Assembleia Nacional Popular, Cipriano Cassamá, anunciou que 93 dos 95 deputados presentes na sala, votaram a favor da prorrogação da legislatura, uma disposição que só terá força de lei se for promulgada pelo Presidente guineense, José Mário Vaz.
Vários círculos políticos e da sociedade civil criticaram o prolongamento da legislatura, considerando a iniciativa dos deputados de inconstitucional.
Os líderes das duas principais bancadas no Parlamento guineense, Califa Seidi, do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC) e Certorio Biote, do Partido da Renovação Social (PRS), entendem o contrário.
Para os dois dirigentes, a medida é necessária ´para permitir que os deputados tenham legitimidade´ de propor reformas legislativas e que possam conduzir a realização de eleições legislativas a 18 de novembro. 
Notabanca; 19.04.2018
PRS REÚNE-SE COM EMBAIXADOR DA AMÉRICA 
Agenda da direcção do Partido da Renovação Social foi bastante aquesida na tarde de quarta-feira em Bissau.
O Embaixador dos Estados Unidos da América para a Guiné-Bissau, Tilinabo Mushinsi, reuniu-se na quarta-feira,18 de Abril com a Direção Superior do PRS, para se informar sobre os últimos acontecimentos politico no país. 
Encontro dicoreu na Se de Nacional dosRenovadores em Bissau. 
A saída, o Secretario geral dos renovadores disse à imprensa que o encontro visou falar com o diplomata Norte-americano sobre a situação sociopolítica da Guiné-Bissau.
PRESIDENTE DO PARLAMENTO PEDE DESCULPA POR RECORRENTE INSTABILIDADE POLÍTICA NO PAÍS 
O presidente do parlamento da Guiné-Bissau, Cipriano Cassamá, pediu hoje desculpa ao povo guineense pela recorrente instabilidade e salientou que no impasse político vivido nos últimos três anos não há «nem vencedores e muito menos vencidos».
«Volto a pedir do fundo do meu coração que ponhamos a mão na nossa consciência para pedirmos desculpa ao nosso povo pelos períodos recorrentes de instabilidade política, cuja responsabilidade é de todos nós, políticos, e assumirmos aqui solenemente que tudo faremos para que nunca mais aconteçam no nosso país situações como estas que paralisaram as novas vidas e as nossas instituições cerca de três anos», afirmou Cipriano Cassamá.
PORTUGAL SAÚDA ACORDO NA GUINÉ-BISSAU PARA NOMEAÇÃO DO PRIMEIRO-MINISTRO 
O Governo português saudou hoje o acordo alcançado pelos políticos guineenses que levou à nomeação de um novo primeiro-ministro e à marcação de eleições legislativas, considerando que se trata de um ´contributo essencial´ para ultrapassar o impasse político.Em comunicado, o Ministério dos Negócios Estrangeiros português referiu que este compromisso representa ´um renovado empenho dos atores políticos guineen
ses´ no cumprimento do Acordo de Conacri, respondendo ´aos apelos da sociedade guineense e da comunidade internacional.
PARLAMENTO GUINEENSE REABRE SESSÕES E AS CANDIDATURAS PARA O SECRETARIADO EXECUTIVO DA CNE
Notabanca; 18.04.2018

quarta-feira, 18 de abril de 2018

ANP RETOMA SESSÕES PARLAMENTARES DIA 19 DESTE MÊS
 Notabanca; 18.04.2018
PRS REAGE SOBRE A SITUAÇÃO SOCIOPOLÍTICA DA GUINÉ-BISSAU
PGR PROMETE COLOCAR NA CADEIA RESPONSÁVEIS PELO DESVIO DE DINHEIRO DOS COMBATENTES
Aqui está a advertência à prisão.
Procurador-geral da República (PGR) afirmou que vai colocar na cadeia os responsáveis pelo desvio de mais de 40 milhões de francos CFA em nome dos combatentes da liberdade da Pátria.
«Fiquei espantado com os resultados das fiscalizações, são mais de 40 milhões que são desviados do seu destino. Mas já estamos a trabalhar e temos quase tudo pronto e vou vos prometer que os responsáveis irão todos para a cadeia», prometeu o procurador-geral da República. 
Bacar Biai fez as promessas às diferentes associações de antigos combatentes que se manifestaram satisfeitos com o encaminhar dos seus processos de pensões “mas entretanto, preocupados com a retenção de documento de alguns processos.
Fátima Almeida em nome das viúvas dos antigos combatentes pediu a intervenção do presidente da República para apoiar nessa luta.
“Temos connosco mulheres viúvas dos combatentes que seus maridos foram mortos na luta de libertação, então onde vamos encontrar os documentos necessários para beneficiar dos seus direitos?”, Questionou para depois solicitar “ao presidente da República que prometeu apoiar-nos a continuar a fazê-lo”.
Conforme Sol Man, Lourenço Cassama da Associação dos filhos dos antigos combatentes considera de injusta a pensão de 29 mil que segundo ele, não dá para custear comida, renda da casa entre outras necessidades.
“Os 29 mil francos CFA pagas aos combatentes e aos familiares não chegam para custear a luz eléctrica, água canalizada, comida e a renda da casa porque maioria dos combatentes não têm casa”.
Por outro lado, explicou que os combatentes que vivem no interior do país, impossibilitados de chegar a capital Bissau todos os meses, acumulam suas pensões para pelo menos três meses “ aí, os gestores os consideram de fantasmas. Nós não somos antigos combatentes somos sim combatentes da liberdade da pátria.
O presidente da República está preocupado para não sairmos as ruas, mas já há quase um ano que tem os nossos documentos sem fazer nada e nos chamam de fantasmas”, reclama.
Notabanca; 18.04.2018
NOVO PRIMEIRO-MINISTRO APRESENTA-SE COMO `ANIMADOR DO PROCESSO POLÍTICO´ DO PAÍS 
O novo primeiro-ministro guineense, Aristides Gomes, hoje empossado no cargo pelo chefe do Estado, apresenta-se como ´um animador do processo político´, que deverá conduzir a realização de eleições legislativas a 18 de novembro.
Após a tomada de posse, na
presença do Presidente do país, José Mário Vaz, o novo líder do Governo guineense, 63 anos, agradeceu a confiança depositada pela classe política e sociedade civil.

segunda-feira, 16 de abril de 2018

PRESIDENTE GUINEENSE CONFERE POSSE AO NOVO PRIMEIRO-MINISTRO 
Tudo foi tão rápido. Que seja tudo eficiente.
Aristides Gomes foi conferido posse esta tarde de segunda-feira em Bissau, pelo Presidente da República como primeiro-ministro da Guiné-Bissau. 
No seu discurso, o novo chefe do Governo admite que o sucesso da sua equipa depende de todos os atores políticos.
Notabanca; 16.04.2018
ELEIÇÕES LEGISLATIVAS NA GUINÉ-BISSAU MARCADAS PARA 18 DE NOVEMBRO DE 2018
Notabanca; 16.04.2918
SANÇÕES DA CEDEAO MANTÉM-SE E ANP RETOMA SESSÕES PARLAMENTARES NO DIA 19
Presidente da Assembleia Nacional Popular revelou ontem que as sanções da CEDEAO aplicadas aos 19 cidadãos do país mantêm-se.
Em declarações a imprensa no Aeroporto Internacional “Osvaldo Viera” aquando do seu regresso da cimeira dos chefes de Estado da CEDEAO,
Cipriano Cassamá disse que levantamento das sanções depende da vontade dos partidos políticos sobretudo no sucesso na formação do novo Governo liderado por Aristides Gomes.
Líder do Parlamento garante que vai mesmo solicitar a convocação da Comissão Permanente ad ANP para se reunir na terça-feira e consequentemente, Sessão parlamentr para o dia 19 paa a eleição do presidente da CNE, dos secretários executivos para a realização de eleições e a prorrogação do mandato da Nona Legislatura.
Notabanca; 16.04.2918
PST A CAMINHO PARA INTEGRAR O PAIGC 
PAIGC cada vez mais em via de fortalecer para as próximas embates eleitorais.
Para o efeito, Partido de Solidariedade e Trabalho (PST), liderado por Iancuba Indjai está em via de extinção para aderir ao PAIGC.
A medida foi tornada pública hoje em Bissau, em conferência de imprensa pelo Secretário-geral, na qual anunciou a realização de um congresso extraordinário para a extinção desta formação politica sem assento parlamentar no dia vinte deste mês em Bissau.
Sobre a situação política do país, o político qualificou-a de irresponsabilidade dos políticos, associado com abuso de poder sob comando do Presidente Mário Vaz.
Notabanca; 16.04.2018
PRESIDENTE GUINEENSE EXONERA ARTUR SILVA E NOMEIA ARISTIDES GOMES
O Presidente guineense, José Mário Vaz, nomeou hoje o sociólogo Aristides Gomes, 63 anos, primeiro-ministro do país para chefiar um Governo inclusivo, que terá como missão a realização de eleições legislativas ainda este ano.
O decreto presidencial que anunciou a nomeação de Aristides Gomes, hoje tornado público pela Presidência guineense, indica que o nome do político resultou de uma série de consultas desencadeadas por José Mário Vaz para a escolha de uma figura de consenso para o cargo.
As diligências visaram encontrar um mecanismo que pusesse fim definitivo à crise política que afeta a Guiné-Bissau há cerca de três anos, refere o decreto presidencial.
Aristides Gomes é assim o sétimo primeiro-ministro nomeado por José Mário Vaz, eleito Presidente da Guiné-Bissau em 2014.
Sociólogo formado em França, Aristides Gomes, dirigente do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC), de que chegou a ser primeiro vice-presidente, vai liderar um Governo que terá a missão de organizar eleições legislativas que José Mário Vaz pretende que tenham lugar a 18 de novembro.
O líder guineense prometeu divulgar ainda hoje o decreto presidencial a fixar a data da ida às urnas.
O nome de Aristides Gomes ficou retido como figura consensual para liderar o próximo Governo guineense na sequência de conversações entre os dois principais partidos no Parlamento, o PAIGC e o PRS (Partido da Renovação Social).
O facto foi formalmente assumido pelos líderes da Comunidade Económica de Estados da África Ocidental (CEDEAO), que estiveram reunidos, no último sábado, em Lomé, no Togo, e salientado no comunicado final do encontro.
Aristides Gomes, que já foi primeiro-ministro guineense entre novembro de 2005 a abril de 2007, toma posse hoje às 15:00 de Bissau, no palácio da presidência.

domingo, 15 de abril de 2018

PRESIDENTE MÁRIO VAZ CONFIRMA ESCOLHA DE ARISTIDES GOMES AO CARGO DO PM
O Presidente da República, José Mário Vaz, confirmou na noite do sábado, 14 de abril 2018 em Bissau, a escolha de Aristides Gomes para o cargo do Primeiro-ministro, tendo anunciado, no entanto, a exoneração de António Augusto Artur Silva atual Primeiro-ministro na segunda-feira.
José Mário Vaz explicou à imprensa que o Partido da Renovação Social (PRS) a pedido do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo- Verde (PAIGC) apresentou três nomes que foram submetidos a apreciação dos libertadores e através da qual escolheu-se Aristides Gomes, como a figura do consenso aceite por todas as partes envolvidas no processo:
“Os três nomes que foram apresentados na Cimeira, tratavam-se de Artur Silva, actual Primeiro-ministro, Martinho N’Dafa Cabi, ex-Primeiro-Ministro e Aristides Gomes, também ex-primeiro-ministro. Dos três nomes, o PAIGC decidiu escolher Aristides Gomes, como o nome do consenso. Podemos dizer agora que o próximo primeiro-ministro do consenso será Aristides Gomes, a quem compete formar também um governo de consenso”.
O Presidente da República realçou na sua declaração três compromissos que considera de importantes, nomeadamente, data da nomeação do novo Primeiro-ministro, data de abertura da Assembleia Nacional Popular e a fixação da data de eleição legislativa durante o ano em curso.
“Gostaria de agradecer todo o trabalho feito por Artur Silva, a vida é assim! Eu terei que assumir a minha responsabilidade, porque as pessoas só acreditarão quando começarmos  realmente a pôr em prática todos os compromissos assumidos em Lomé”, espelhou para de seguida avançar que na próxima segunda-feira, vai reunir com o actual Primeiro-ministro para o informar da decisão tomada em Lomé, depois exonerá-lo através do decreto presidencial.
De acordo com o democrata, Vaz promete realizar a auscultação logo nesta segunda-feira, nomear o novo primeiro-ministro do consenso. Acrescentou neste particular que no mesmo dia produzirá outro decreto presidencial para a marcação da data de eleição legislativa.
“A parte que compete ao Presidente da República fica assim concluida, resta abertura da Assembleia Nacional Popular. Como é do vosso conhecimento não é da competência do Presidente da República, mas sim do presidente da Assembleia Nacional Popular”, observou o Chefe do Estado guineense, que entretanto, lembrou que no momento da leitura do comunicado final, todas as partes estiveram presentes na sala de reunião”, contou.
Aproveitou a ocasião para agradecer a todos aqueles que contribuíram na busca do consenso alcançado.
“Temos que ultrapassar todos os problemas que tivemos aqui. Quero agradecer todas as personalidades que direta e indiretamente se envolveram no processo, sobretudo na pessoa do Bispo de Bissau. Pensamos que hoje conseguimos virar a página da história da nossa terra”, afirmou. 
Notabanca; 15.04.2018
FORÇA DE “ECOMIB” PERMANECE NA GUINÉ-BISSAU ATÉ 30 DE JUNHO 
Os soldados da Ecomib, força de manutenção da paz de países de África Ocidental, estacionados na Guiné-Bissau desde 2012 vão permanecer naquele país até 30 de junho próximo, anunciou a organização em comunicado hoje divulgado em Lomé, Togo.
Aquela força composta inicialmente por cerca de 700 soldados do Senegal, Burkina-Faso, Togo e Nigéria deveriam ter abandonado a Guiné-Bissau a 31 de março, mas hoje os líderes da Comunidade Económica de Estados da África Ocidental (CEDEAO) decidiram pela sua permanência até junho.

sábado, 14 de abril de 2018

ARISTIDES GOMES É O NOVO PRIMEIRO-MINISTRO DE CONSENSO PARA LIDERAR O GOVERNO GUINEENSE 
O Acordo de Conacri já era.
O antigo  líder do PRID e primeiro-ministro do regime de Nino Vieira é figura escolhida para liderar o futuro Governo da Guiné-Bissau.
Aristides Gomes é o novo Primeiro-ministro de consenso obtido na cimeira de CEDEAO realizada hoje em Lome, Togo.
Com o efeito, a Guiné-Bissau dispõe só nesta Nona Legislatura, o sétimo Primeiro-ministro.
Por agora, resta o Presidente Mário Vaz confirmar a nomeação de Aristides Gomes através de um Decreto presidencial que deverá ser anunciado na próxima semana.
Notabanca; 14.04.2018